Queda da temperatura aumenta queima de calorias, garante médico

Crédito da foto: UConn Rudd Center for Food Policy & Obesity

Crédito da foto: UConn Rudd Center for Food Policy & Obesity

O inverno chegou e, com a queda da temperatura, muitas pessoas deixam a atividade física de lado, seja pelo clima mais gelado ou pela falta de motivação para encarar o frio. O que poucos sabem é que essa estação é ideal para se exercitar, pois há um aumento da queima de calorias para que o corpo fique aquecido, explica o fisiologista do esporte Diego Leite de Barros, do HCor.

– Para manter a temperatura do organismo o metabolismo acelera seu funcionamento o que, consequentemente, aumenta também o apetite. É importante destacar que os resultados podem variar muito de acordo com cada pessoa, pois dependem da quantidade e da intensidade dos exercícios.

Leia também: Atleta com diabetes é promessa da natação brasileira

Outros fatores importantes são a alimentação adequada e também as roupas adequadas para a prática esportiva.

– Mesmo na prática de atividades ao ar livre é importante usar roupas leves de tecido, como a poliamida, por exemplo. Muitas roupas podem abafar o corpo o que irá acarretar na perda de sais minerais em excesso, o que não é recomendado.

Conheça a história do ultramaratonista com diabetes há 21 anos

Em média, a aptidão cardiorrespiratória diminui cerca de 20%, entre um e dois meses, caso seja interrompida a frequência da prática de atividade física. Para evitar que isso aconteça, o fisiologista do HCor dá algumas dicas.

1 – É preciso redobrar atenção! Aquecimento e alongamento devem ser mais demorados, pois o corpo levará mais tempo para atingir a temperatura ideal para a atividade física.

2 – Mesmo em dias frios, a hidratação é fundamental antes, durante e depois dos exercícios, pois o corpo perde líquido com a transpiração.

3- Use roupas e calçados adequados e confortáveis para o clima frio, que não prejudiquem a mobilidade e consigam manter o corpo aquecido. Uma das grandes preocupações é evitar a hipotermia, quando o corpo perde calor em excesso.

4- Verifique as condições do vento e temperatura antes de sair para um ambiente externo. O ideal é escolher um horário com sol e se não for possível quando a temperatura do dia estiver mais quente para estimular os músculos durante o exercício.

5- Cada pessoa tem preferência por uma determinada atividade, mas o ideal é manter a regularidade. Nos dias frios, caminhada, corrida e futebol, são ótimas opções.