Diabetes – você não precisa ter medo!

smiling young woman eats salad
smiling young woman eats salad

Nossa nutricionista, Dra. Andrea Sanches, escreveu uma matéria muito interessante para nosso site sobre os medos que vem com o diagnóstico do diabetes, ao final está o link vocês lerem!

Acredito que de nossa equipe não tem ninguém melhor do que ela para falar sobre este assunto! Ela como diabética passou por todos os medos que vem acompanhado com o diagnóstico e as mudanças na vida! E voltado a área dela, a nutrição, ela falou um pouco sobre a rotina em volta da alimentação para um diabético.

Culturalmente é comum as pessoas se reunirem para comer! Minha mãe sempre me falou que todos os programas que fazia com meu namorado era ao redor de comida (sair para jantar, ir ao fast food, comer no shopping, a deliciosa picanha na brasa que tem naquele barzinho, e por ai vai)… parece que não tinhamos outro lugar para ir! Com os amigos não era diferente até mesmo um inocente cinema vem acompanhado de um pacotão de pipoca e um copão de refrigerante! E olha que os meus aumentativos não são exageros, estamos “herdando” a mania americana do SUPER SIZE!

Imagine o diabetes no meio de tudo isso? Parece que tudo está acabado, nada de vida social, afinal não pode-se comer nada!

Ela mostrou em sua matéria que não é bem assim, afinal o diagnóstico e diabetes vem acompanhado de MUDANÇAS, MODERAÇÃO… mas nunca de privação! Quem disse que um lanche é ruim? O que deve ser avaliado é o que vem neste lanche – tanto nos ingredientes como os acompanhamentos, como ele está sendo feito…

Recentemente em uma palestra a Dra. Andrea mostrou dois exemplos de refeições… que gostaria de compartilhar com vocês:

O tradicional arroz e feijão:


• Arroz – 3 colheres de sopa cheia
• Feijão – 1 concha média cheia (grão e caldo)
• Bife grelhado – 1unidade média
• Alface – 3 folhas média
• Tomate – 2 rodelas
• Azeite – 1 colher de chá

073b

E o temido lanche:

• Pão francês – 1 unidade
• Bife grelhado – 1unidade média
• Alface – 3 folhas média
• Tomate – 2 rodelas

073b-2

Após ela descrever as refeições ela perguntou qual a mais saudável? Adivinham quais foi a resposta unânime? O arroz e o feijão!

Era o que ela esperava! Foi ai que ela mostrou a quantidade de calorias e a quantidade de carboidratos!

O arroz e feijão tem 380 calorias e 35 gramas de carboidratos, já o terrível lanche tem 390 calorias e 30 gramas de carboidratos!

Pois é, praticamente um empate técnico!

O que quis exemplificar com isso? Que não existem só vilões e só mocinhos… que nada é totalmente permitido e nada é totalmente proibido! Que temos que conhecer os alimentos e saber fazer as nossas concessões… MODERAÇÃO continua a palavra de ordem!

Mas gostaríamos de saber de vocês, quais são as suas dúvidas de alimentação? No diagnóstico, se sentiu excluído de seus familiares e amigos? Como resolveu os problemas? Precisa de ajuda para resolver? Mande sua dúvida que enviaremos para nossa nutricionista!

O link a seguir é para acessar a matéria completa: http://www.diabetescenter.com.br/noticia/Noticia.asp?ID=558&/Diabetes/diabete,-voce-nao-precisa-ter-medo-.html

A palavra de ordem neste blog é comunicação! Quero muito aprender com vocês!

Até mais!
Carol