Chá de pata-de-vaca no controle glicêmico

013

Olá!!

Esta semana me deparei no site da SBD (Socieade Brasileira de Diabetes) com a reportagem sobre a pata de vaca e o diabetes e com isso resolvi postar aqui sobre isso, risos!

Uma vez o meu chefe, Sr. Luiz, falou algo que nunca esqueci! Meu tio, diabético, veio a nossa farmacia interessado em produtos diet diferentes… E conversando com ele perguntou sobre o chá da famosa pata de vaca, risos, e o comentário do Sr. Luiz foi perfeito!

Lembram-se de um comercial que tinha do apracur, eu acho, que o pessoal estava gripado e cada um falava uma simpatia para a coitada da moça melhorar, até que entra a atriz – neste casa era a Bibi da novela Insensato Coração – e fala: “Tudo isso adiata, se tomar Apracur”. E foi este o conselho do meu chefe, independente do que falam as culturas populares, não se pode deixar de tomar a medicação…

É eu como farmacêutica já falaria mais… Conhecemos o poder de algumas plantas, como fala a reportagem que encaminhei o link abaixo, muitas plantas que são indicadas realmente tem propriedades para determinadas doenças, mas e as consequencias, sem estudos suficientes não sabemos a dosagem correta para exercer determinada função. E até mesmo algo que tem propriedades boas, pode tambem ter efeitos colaterais que não falem a pena usar!

Enfim, um chazinho pode sim interferir no seu tratamento, então antes de tomar qualquer chá ou infusão que o programa de TV ou a vizinha falou o aconselhado é falar com o seu medico! E caso tome algo sem que seu médico saiba é necessário informa-lo na próxima consulta!!!

E quanto a pata de vaca, segue a reportagem que me inspirei, muito legal e real: http://www.diabetes.org.br/colunistas-da-sbd/diabetes-na-boca-do-povo/1858-o-cha-de-pata-de-vaca-e-o-diabetes

Até mais!