Anvisa aprova novo remédio para tratar colesterol alto

 

Foto: FreeImages

Foto: FreeImages

A Anvisa (Agência Nacional de Vigilância Sanitária) acaba de aprovar o medicamento Praluent (alirocumabe), indicado para o tratamento de pacientes adultos com colesterol LDL elevado que não conseguem atingir suas metas mesmo em terapia com estatinas nas doses máximas toleradas, incluindo os portadores de hipercolesterolemia familiar heterozigótica.

O colesterol LDL elevado é um importante fator de risco para as doenças cardiovasculares. Estimativas da Sociedade Brasileira de Cardiologia (SBC) indicam 346.896 mortes por doenças cardiovasculares em 2015 no Brasil.

Para Pius Hornstein, diretor-geral da Sanofi no Brasil, trata-se de uma inovação para o tratamento do colesterol alto 30 anos depois do surgimento das estatinas.

A cardiologista Luciana Giangrande, diretora médica da Sanofi, explica que o remédio é um anticorpo monoclonal que pertence a uma nova classe de medicamentos – os inibidores da PCSK9. A médica acrescenta que ele é injetável, com aplicação subcutânea por meio de caneta aplicadora.

– O medicamento foi desenvolvido com modernas técnicas de engenharia genética e proporcionará tratamento eficiente ao paciente com colesterol alto, incapaz de atingir sua meta exclusivamente com as estatinas.

Por enquanto, não há data para o remédio ser comercializado nas farmácias de todo Brasil.

Leia também: Injeção promete revolucionar o tratamento do colesterol

 

 

4 Responses

  1. Leh disse:

    Otimo artigo parabens pessoas,vou colocar como favorito o sitee !!! Muito bom o conteudo!!!

  2. JANETE disse:

    Muito bom o seu artigo

  3. Noemia disse:

    Eu já tinha ouvido falar do medicamento Praluent (alirocumabe), e sempre tive a expectativa da liberação pela anvisa… esse artigo só provou que eles realmente perceberam a importância dele. Que bom. Obrigado pelo artigo